Bloguto

Meu passa tempo…

Pampulha – A volta dos que não foram.

Agrande Lagoa Mineira

Seria o primeiro grande encontro dos Twitter’s Run depois da formação do grupo no Twitter.  Tudo começou no fim do mês de julho de 2009, quando alguns twitteiros resolveram aderir à idéia de um encontro na Volta internacional da Lagoa da Pampulha, prova esta que tem grande valor no calendário de corredores no mundo inteiro.

Foto Parcial

Inicialmente, éramos 10 pessoas –  Lilian, Isadora, Joel (@joelleitao), Patricia (Patgomes1), Edu (trêsmeios), Ligia, Joaquim( Blogdojoca), Cássio(nosso reporte preferido), Anderson (AndZacaria), Antonio (antonioColucci), e eu (correguto).  A cada dia que passava, pessoas iam aderindo à idéia e o movimento estava crescendo absurdamente. Pessoas como Zé(correzecorre), Jú(juqcorre), Rodolfo(rrlucena), Guga(Gugakamei) entre muitos outros.  Comecei a me preparar, pois nunca tinha corrido 17.800 metros, ou seja, 17.8 km de prova.

Cada vez mais e mais

Iniciei meu treinamento de 3 a 4 vezes por semana com 5 km e fui subindo as distâncias a cada 2 semanas de treinos. Acordava às 5:30 da manhã,  pois não poderia correr à noite.  Já com alguma facilidade, percorria 10 km em 1:10 h de média. Então passei a correr todos os dias 10Km e ai que foi o meu grande erro. Faltando algumas semanas para a prova, senti uma fisgada na perna direita e fui ao médico que logo me indicou alguns exames, mas  recomendou  que eu diminuísse meu ritmo de corrida,  dando um descanso para  meu corpo.

Assim eu o fiz, porém foi pouco.  Não poderia correr a Adidas e mesmo assim corri, não poderia correr XTERRA e mesmo assim o fiz.  O médico, para melhor conclusão, me pedira um exame especial chamado Citilografia – exame esse que demorou três horas para ser realizado,  de tão específico que foi.  Enquanto isso, de férias em casa, eu, Patgomes1, Andzacarias e o pessoal da BHRace, planejávamos uma recepção calorosa, afinal de contas não é todo dia que temos um grande encontro em um grande evento.

Tudo pronto: jantar, busão, toalhas de rosto (TWR), enfeites de mesa, baners, ambulância e a tenda (BHRace). Mas faltou guarda-chuva e muitos!!! Nosso jantar foi um sucesso!! Onde iriam 35 pessoas e foram 70, quase não houve  espaço  suficiente no restaurante.  Para nossa surpresa, ainda fomos convidados pela ESPN Brasil a realizar uma matéria para volta da PLU, junto com os Twitter’s Run.  Era quinta-feira  quando fui buscar o resultado do exame, e para minha surpresa o resultado relatava resultado positivo – fratura por “stress” nas tíbias posteriores direita e esquerda, grau 1.  E agora?  Será que não correria a PLU?

Logo em seguida fui ao twitter e relatei aos meus colegas tudo… mensagem pipocavam a todo instante na tela. Eram mensagens com diversas recomendações e na grande maioria diziam “não corra!” Tudo aquilo era um pesadelo que passava em minha mente acordada.  Revoltado, falei diversas vezes que iria mandar tudo para espaço, mas não o fiz! De sábado para domingo, dia da prova, dormi muito pouco mesmo. Com muito prazer busquei e fui deixar o cara mais engraçado que conheci no encontro – Harry, mais conhecido como @blogdoharry .

Eu e minha esposa fomos rindo do restaurante até o hotel onde ele se hospedava. Já no domingo, dia da prova, a chuva castigava BH2O sem dó! Entramos no #busãodostwittersrun e fomos a PLU.  Logo no início fomos recebidos na barraca da @BHrace e ali fiquei até o final da prova.  Durante algumas estiagens saía da toca  ia até a orla da lagoa para ter notícias, afinal eu, Juqcorre e JunianaBan, éramos os informantes oficiais do Twitter para todo o grupo de twiteiros que seguem os TWR.

Com link ao “VIVO” dávamos notícia o tempo todo sobre a corrida. Era o máximo e muito engraçado.  Em nossa redação a Editora “chefe” Yara Achôa (@yaraachoa), recebia tudo e RT as menssagens aos twiteros. Vendo alguns corredores na chegada da prova, percebi que a melhor coisa que fiz, foi não correr. Muito estavam quebrados (termo muito comum no meio para quem sofreu alguma fadiga e ou lesão).  Terminei o encontro muito satisfeito com o resultado de meus colegas. Espero que eles também!   Agradeço o apoio de todos e em especial as dedicatórias escritas no livros “ Maratonando” e “+corrida” de Rodolfo Lucena (rrlucenla) .

Eleonora, Rodolfo, Eu e Luciana

Abraços CorreGuto

Anúncios

08/12/2009 Posted by | Correr | 19 Comentários